Projeto de Sistema Integrado de Segurança

é apresentado à Comissão de Segurança de Gravatá

O gestor de Gravatá, Mário Cavalcanti, participou do encontro com representantes das Polícias Civil e Militar e, também, dos empresários, lojistas e comerciantes

O gestor de Gravatá, Mário Cavalcanti, participou de um encontro com a comissão formada por representantes do comércio, lojistas e empresários da cidade para apresentar a proposta do Sistema de Segurança Integrada, no auditório da Associação Comercial e Industrial de Gravatá (ACIAG). Na ocasião, também participaram o major da 5ª CIPM, Edivaldo, o chefe de cartório da 62ª Delegacia de Polícia de Gravatá, Ricardo Fernando, o presidente da ACIAG, Zeca da Charque e a secretária de Governo, Comunicação e Imprensa, Tercília Vila Nova.

 Após discutir ações de melhorias na segurança pública do município, foi elaborado pelo engenheiro de projetos, coronel da Polícia Militar, Milton Sobral, um projeto que integra o sistema de monitoramento das vias públicas, com as imagens dos estabelecimentos aos órgãos de segurança: Polícia Militar, Polícia Civil e Guarda Municipal. Desta forma, os lojistas, empresários, rede hoteleira e demais segmentos estarão unidos para garantir a melhoria na segurança do município.

 Mário Cavalcanti, gestor do município, acompanhou a apresentação do projeto e disponibilizou a equipe da Prefeitura para contribuir no processo de elaboração do mesmo e, também, da formalização do Conselho Municipal de Segurança Pública. “Nós percebemos que é muito importante olhar para a segurança pública, que é uma responsabilidade de todos. A comissão formada pelos representantes de empresas, lojas e comércios, mostra o interesse em contribuir com os órgãos de segurança e, assim, poder oferecer conforto aos clientes que estarão seguros ao entrar nos estabelecimentos. Apresentamos o projeto que irá beneficiar a todos e, ainda, integrar os empresários com as Polícias Militar e Civil. Além disso, iremos formalizar o Conselho de Segurança do município para contribuir no projeto e nas ações de segurança”, destacou.

 “O projeto oferece a integração do sistema de monitoramento com a instalação de novas câmeras em estabelecimentos e pontos estratégicos do município que, em Gravatá, estarão ligadas às Polícias Civil, Militar e Guarda Municipal. Os comerciantes terão um custo mensal que irá financiar o sistema que, na primeira fase, contará com a instalação de 96 câmeras que transmitem imagens em Full HD que possibilitam detalhes mais precisos dos ambientes”, explicou o engenheiro de projetos, Milton Sobral.

 Fotos: Ednaldo Lourenço

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here