A próxima etapa é encaminhar o Projeto de Lei

para aprovação na Câmara Municipal

 A Revisão do Plano Diretor de Gravatá está na etapa de conclusão. Após apresentação do diagnóstico em todo o município, proposição e formulação, na manhã de quinta-feira (27), foi realizada a Audiência Pública final para a população. O evento ocorreu no auditório do Hotel Porto da Serra, localizado na Rua Quatro de Outubro, no bairro do Jucá. Estiveram presentes o gestor de Gravatá, Mário Cavalcanti, a secretária de Infraestrutura, Controle Urbano e Mobilidade, Giuliana Lins Cavalcanti, o diretor de projetos da Engeconsult, Francisco Lopes e representando o Poder Legislativo, o vereador, Luiz Prequé. 

 Participaram também, os secretários municipais de Finanças, Educação, Governo, Comunicação e Imprensa, Francisco Pereira, Maria Ângela e Tercília Vila Nova, respectivamente. Representantes de associações, sindicatos, Conselho Tutelar, Construção Civil, Vereadores entre outros segmentos da Sociedade Civil Organizada, acompanharam a Audiência Pública.

O gestor de Gravatá, Mário Cavalcanti falou da satisfação em contribuir para o planejamento da cidade, pensando no futuro, que irá garantir a preservação do meio ambiente e sustentabilidade do município. “É necessário pensar e planejar o futuro da cidade. Depois de apresentar o diagnóstico aos diversos segmentos da cidade e aos distritos da zona rural, hoje realizamos a audiência pública final. O nosso objetivo foi de formular o melhor Plano Diretor possível para a sociedade de Gravatá. Realizamos a atualização do cadastro imobiliário da cidade, que contribuiu bastante para o planejamento do futuro de nossa cidade”, disse o interventor.

A secretária de Infraestrutura, Controle Urbano e Mobilidade, Giuliana Lins Cavalcanti fez uma avaliação do trabalho executado para a formulação do plano que irá dirigir o município nos próximos anos. “Nossa equipe acompanhou todo o processo da Revisão do Plano Diretor, com a preocupação de ouvir as opiniões da população, dos moradores e segmentos que contribuem para o desenvolvimento da cidade. Nossos técnicos participaram de todas as etapas desse processo com um único objetivo, planejar uma cidade melhor para todos”, avaliou.

“Depois de um ano percorrendo toda a cidade, conversamos com mais de três mil pessoas em reuniões, seminários e oficinas. Estamos na etapa final que é a realização desta audiência pública voltada para todos os gravataenses. O Plano está dividido em quatro eixos, que trabalha a ambiência urbana, mobilidade, dinâmica e gestão e fortalecimento institucional. Todo o trabalho é voltado para a sustentabilidade e a preservação do meio ambiente”, destacou o diretor de Projetos da Engeconsult, Francisco Lopes.

A próxima etapa da Revisão do Plano Diretor de Gravatá é o encaminhamento do Projeto de Lei para aprovação na Câmara Municipal de Gravatá.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here